Blog

Semana da Juventude

No mês de agosto nós celebramos datas muito especiais para nós!

Dia 11 de agosto é Dia do Estudante e dia 12 Dia Internacional da Juventude. E como a nossa razão de existir são os jovens, não podíamos deixar de comemorar essas datas.

Por isso, realizamos a Semana da Juventude novamente este ano.

A semana de 8 a 12/08 foi totalmente voltada para os nossos jovens, com conteúdos especiais tanto nas nossas redes como nas salas de aula, nas plataformas online e presencialmente nos nossos polos.

Mas afinal, por quê os jovens são tão importantes?

Porque os jovens e adolescentes que você vê hoje nas ruas, escolas e redes sociais são os profissionais que estarão atuando no mercado em alguns anos. Eles serão os responsáveis por tomar as decisões para a sociedade de amanhã, em todas suas esferas, na política, economia, educação, saúde, cultura e no meio ambiente.

A partir do momento que entendemos que os jovens decidirão nosso futuro como sociedade, fica mais fácil entender porque é tão importante apoiá-los agora.

Segundo a ONU, os jovens precisam ser reconhecidos como “potenciais líderes e arquitetos de uma transformação histórica no bem-estar humano”. O mundo só vai alcançar avanços econômicos e sociais expressivos se investir mais na capacidade produtiva dos jovens.

A ONU estima que se não valorizarmos e darmos a atenção necessária para nossos jovens o mundo inteiro não vai ter uma força de trabalho qualificada em um futuro próximo. O que pode prejudicar as economias mundiais, com taxas baixas de crescimento.

Os jovens são aqueles que sempre quebraram paradigmas e lutaram por mudanças sociais efetivas na maneira como outras gerações pensam e se comportam. Atualmente, estamos acompanhando a força deles na mobilização de pessoas e governos de todo o globo para a efetivação dos direitos humanos e da sustentabilidade.

Lembrando que mais de 2 milhões de novos eleitores entre 16 e 18 anos vão exercer o seu direito do voto pela primeira vez em outubro deste ano. Suas escolhas são decisivas para transformar o presente e o futuro do Brasil. O impacto social das decisões tomadas pelos jovens está mais perto do que imaginamos.

Problemáticas enfrentadas pela Juventude

No Brasil, 12 milhões de jovens não estudam nem trabalham, esse número supera a população da Bélgica.

Pessoas de 14 a 29 anos que não estudam nem trabalham são chamados de “nem-nem”. Segundo pesquisa do IDados, os “nem-nem” representam 30% dos jovens nessa faixa etária. O percentual teve um salto durante a pandemia do Covid-19, em 2020. Mas desde 2012 essa taxa está em crescimento. Há 10 anos, os nem-nem correspondiam a 25% dos jovens.

Todos os anos novos estudantes se formam e muitos não conseguem uma oportunidade no mercado de trabalho, sem emprego nem renda. Têm também os jovens que não conseguem estudar e muitos param no meio do caminho.

Sem levar em consideração a crise econômica que estamos enfrentando, que leva os jovens e adolescentes a pararem seus estudos antes de qualquer formação devido à falta de recursos financeiros. O mercado também é afetado o que gera menos empregos, menos talentos e salários menores do que em períodos de alta econômica.

Até mesmo para quem está empregado, a crise é um grande problema, porque pune primeiro os mais jovens. As empresas preferem garantir seus profissionais especializados e de difícil contratação. Sem contar que os mais jovens representam um custo menor na rescisão salarial.

Um estudo realizado pela FGV aponta que a realidade dos jovens “nem-nem” do país está diretamente associada a desigualdade social. O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) também aponta que há um descaso completo do governo em relação aos jovens brasileiros, que deveriam se chamar “sem-sem”: sem oportunidades de estudo e sem oportunidades de emprego.

 

Por quê celebrar o Dia do Estudante?

O Dia do Estudante é uma data especial para que possamos celebrar um dos direitos básicos do cidadão, que é a educação. Além de que o estudante tem um papel essencial para o desenvolvimento social, afinal ao estudarmos estamos nos preparando para participar e contribuir com a sociedade.

Todos nós precisamos de bons profissionais constantemente e em diversas situações e são as escolas, em todos os seus níveis, que formam os profissionais que são fundamentais para o funcionamento da vida em comunidades e contribuem com a formação de cidadãos com senso crítico.

É através dos estudos que adquirimos conhecimento, educação, cidadania, cultura, gostos, ética, senso crítico e traçamos objetivos para o nosso futuro profissional. Ao nos formamos como alunos também nos formamos como cidadãos conscientes e preparados para o convívio em sociedade.

Os estudantes, ao se esforçarem para se tornarem profissionais qualificados, e conseguirem adentrar no mercado de trabalho também contribuem para o crescimento da economia.

Nunca subestime o poder da educação e dos estudantes!

Por quê o Dia Internacional da Juventude existe?

Dia 12 de agosto é celebrado o Dia Internacional da Juventude. A data foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1999 após a Conferência Mundial dos Ministros Responsáveis pelos Jovens, realizada em 1998, em Lisboa.

Desde então a ONU escolhe um tema para ser abordado com os jovens todos os anos como os desafios enfrentados pela juventude, educação, emprego, cultura, saúde, tecnologia e estabilidade social. A organização acredita que a população mais jovem deve estar à frete das mudanças e inovações globais para que a humanidade tenha sucesso no desenvolvimento sustentável e democrático das atuais e próximas gerações.

O Dia Internacional da Juventude tem como principal meta enfatizar a educação e conscientização dos jovens sobre a responsabilidade que eles têm como futuros representantes do planeta.

Hoje não só estamos chamando a atenção para o investimento necessário nos jovens e no fim da desigualdade, mas também comemorando todo potencial que eles detêm para fazer do mundo um lugar melhor para se viver amanhã.

Levando tudo isso em consideração, o que podemos fazer hoje para um amanhã melhor e mais próspero para nossos jovens, e para nós mesmos, enquanto sociedade?

Sem a juventude, somos uma nação sem futuro.

Sem a educação estamos fadados a um futuro repleto de erros passados e sem melhorias.

Nós da Demà Jovem by Renapsi vamos sempre trabalhar pelos jovens. Nós acreditamos e somos o amanhã, assim como eles!

Fique por dentro dos nossos boletins mensais. Assine nossa newsletter.

Reconhecida por:

Siga-nos:

© Renapsi - Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração. Leia nossa política de privacidade. Leia nosso manifesto LGPD.